A Forest Of Stars

Banda: A Forest Of Stars

Titulo: “Grave Mounds and Grave Mistakes”

Editora: Prophecy Productions

Data de Lançamento: 28.Setembro.2018

Oriundos de Leeds, cidade mais conhecida pelo seu futebol e por ser berço de algumas das mais proeminentes bandas da vanguarda dos anos 80, o coletivo que dá pelo nome de A Forest Of Stars, é uma das surpresas que esta que escreve teve o gáudio de descobrir a propósito do seu mais recente trabalho discográfico.

Assinando atualmente pela casa Prophecy Productions, viram sob o selo desta ser lançado no passado mês de Setembro a obra “Grave Mounds and Grave Mistakes” e designamo-la desde já como obra, excedendo os limites de apenas mais um álbum inserido na vertente mais psicadélica do black metal.

Atualmente composta esta formação de 7 elementos, um número já por si mágico, a música que nos oferecem é de extrema beleza sonora, pungente de catárticas descargas da bateria que aliada a um baixo grave mas doce faz a espinha dorsal deste disco soar de forma intensa e hipnotizante.

“Grave Mounds and Grave Mistakes” é um disco apaixonante, a dualidade rítmica que se faz maioritariamente na parte vocal, com a gritante voz masculina e a candura da voz feminina, esta por sua vez, ritmicamente sustentada de fusões que roçam o folk céltico e nos transportam para ambiências medievais, suportando e amaciando o ouvido do melómano mais exigente os riffs trabalhados à exaustão das guitarras que exploram e tremolos picking voluptuosos e enérgicos.

Recomendamos em absoluto o fantástico tema ‘Precipice Pirouette’, um verdadeiro deleite rítmico, pejado de acordes mirabolantes e com uma energia avassaladora.

Sendo este o quinto registo em longa duração de uma carreira auspiciosa que conta já com 11 anos de existência é facto constatado que estes A Forest Of Stars que farão as delicias a seguidores de Thy Catafalque ou Ulver são uma excelente aposta a ser seguida atentamente e merecedores de (re)descobrirmos toda a sua obra passada.

Pontuação: 8,8/10

Por: Paula Antunes

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*