In The Woods

Banda: In The Woods

Titulo: “Cease The Day”

Editora: Debemur Morti Productions

Data de Lançamento: 23.Novembro.2018

A 23 de Novembro do corrente ano será oficialmente editado pela ainda jovem editora nórdica Debemur Morti Productions o que será o quinto registo de originais da carreira de 26 anos do colectivo In The Woods.

Intitulado de “Cease The Day”, este disco que vem reforçar a criatividade e originalidade das composições de Kobro e seus companheiros, é um disco equilibrado e estruturalmente assente numa linha melódica que faz de ponto de reunião de sonoridades estilizadas ao jeito de Paradise Lost ou Opeth, servindo estas ilustres referências apenas para que se situem musicalmente os ainda desconhecedores ouvintes da obra musical destes noruegueses.

Após a vivência e experiência acumulada de anos de estrada e colaboração com outros grandes congéneres, os In The Woods que retomaram a sua actividade com afinco em meados de 2014, apresentam com este álbum uma nova formação musical, e com todo o fulgor e energia que desta movimentação advém, ganharam vida os oito temas alencados e que mediando de 6 a 9 minutos de duração nos proporcionam uma excelente hora musical, plena de ritmo e intensidade musical.

Abre este álbum com um inicialmente tímido ‘Empty Streets’, que desde logo revela a maturidade musical da banda, aumentando a sua intensidade na descoberta de ‘Substance Vortex’, numa perfeita sincronia de melodia vocal e harmonia instrumental; tendo margem suficiente para crescendos rítmicos que irrompem também em ‘Still Yearning’, este trabalhado ao pormenor, exultando os riffs de guitarra hipnotizantes e com a majestosa e gravosa linha de baixo.

A sempre tão desejada cereja no topo do bolo vem com o desfecho final em ‘Transcending Yesterdays’ que apenas nos faz morder o lábio de desejo por ver e ouvir ao vivo e a cores estes senhores e nos espicaça a curiosidade das suas anteriores actividades.

Com a renovada formação e nova bolacha musical, espera-se que este “Cease The Day” conquiste a merecida atenção que deve ter, e que as raízes dos In The Woods se firmem bem em solo fértil.

Pontuação: 8,8 /10

Por: Paula Antunes

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.


*